PraticaAOSCRe555aula05 - eletronica24h

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Educacional > Cursos > Pratica com AO, 555 e SCR
Experiência04            Indice              Experiência06
Experiência 05: Amplificador Diferencial – Circuito  Subtrator
 
Objetivos
 Determinar experimentalmente o ganho de um      amplificador diferencial.
Verificar experimentalmente a equação de um circuito      subtrator.

Material Usado                                                      
2 Baterias de 9 V  com terminais
1 Multímetro digital
6 Pilhas de 1,5 V
1 Suporte para 1 pilha de 1,5 V
1 Suporte para 2 pilha de 1,5 V
1 Suporte para 4 pilha de 1,5 V
1 Matriz de pontos
1 CI 741
Resistores: 2x1k/2x2k2

 
Introdução Teórica
Leia sobre a introdução teorica em Curso Amplificador Operacional.

 
Procedimento Experimental
1.Calcule o valor da tensão de saída  do circuito da figura 1 para cada uma das combinações de tensões de entrada da tabela 1.
                                                                                                                            Tabela 1: Amplificador diferencial - valores calculados
Ve2(V)
Ve1(V)
Vs(V)
3,0
1,5

-3,0
1,5

1,5
3,0

00
-3,0
-1,5

-1,5
3,0

Figura 1 -  Amplificador diferencial para experiência
 
2. Monte o circuito da figura 1 na MP e para cada cada uma das combinações das  tensões de entrada ( Ve1 e Ve2) da tabela 2. meça a tensão na saída. Obs: Para obter os valores negativos basta inverter a fonte (ou associação). Importante!! indique na tabela os valores efetivos, isto é, se uma pilha medido resultou 1,47 V é esse valor que deve constar. Duas pilhas medido resultou 2,9 V é esse valor que deve ser indicado na tabela  2.

                                                                                                                                  Tabela 2: Amplificador diferencial - valores medidos

Ve2(V)
Ve1(V)
Vs(V)
3,0
1,5

-3,0
1,5

1,5
3,0

00
-3,0
-1,5

-1,5
3,0


Figura 2 -  Amplificador diferencial layout na MP - Dispositivos fora de escala
3. O circuito da figura 3 funciona como um circuito subtrator. Calcule o valor da tensão de saída  do circuito da figura 7 para cada uma das combinações de tensões de entrada da tabela 3.
 
                                                                                                                                              Tabela 3: Circuito subtrator - valores calculados
Ve2(V)
Ve1(V)
Vs(V)
3,0
1,5

-3,0
1,5

1,5
3,0

00
-3,0
-1,5

-1,5
3,0


Figura  3 - Circuito subtrator
 
4. Monte o circuito da figura 3 na MP de acordo com layout da figura 8, e para cada  uma das combinações das  tensões de entrada (Ve1 e Ve2) da tabela 4 meça a tensão na saída.
 
Obs: Para obter os valores negativos basta inverter a fonte (ou associação). Importante!! indique na tabela os valores efetivos, isto é, se uma pilha medido resultou 1,47 V é esse valor que deve constar. Duas pilhas medido resultou 2,9 V é esse valor que deve ser indicado na tabela  4.
 
                                                                                                                                        Tabela 4 -  Circuito subtrator  - valores medidos
Ve2(V)
Ve1(V)
Vs(V)
3,0
1,5

-3,0
1,5

1,5
3,0

00
-3,0
-1,5

-1,5
3,0

 
Figura  4 -  Circuito subtrator - layout na MP - dispositivos fora de escala
 
5. Baseado nas medidas e observações efetuadas escreva as suas conclusões
 
 
Bibliografia:  ALBUQUERQUE, Rômulo O. Utilizando Eletrônica com AO, SCR, TRIAC, CI 555, LDR, LED, IGBT.  São Paulo: Erica:, 2009
Experiência04           Indice             Experiência06
 
Copyright 2015. All rights reserved.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal