AulaMCP005 - eletronica24h

Busca
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Educacional > Cursos > Microcap
Aula04       Indice de Aulas       Aula06
Curso MicroCap8
Aula 05: Efetuando uma simulação  com Analise Transiente

1. A Analise Transiente
      A analise transiente  permite  que você  veja as formas de onda  presentes  no seu circuito, é o osciloscopio do Microcap. Para apresentar essa analise consideremos  o circuito da  Figura 1, circuito RC serie     em CA.


Figura 1 - Circuito RC serie em CA como exemplo


Para efetuar a simulação   do circuito deve-se   primeiramente  efetuar alguns ajustes (como  em um osciloscópio). Para isso  em Analysis >>  Transient efetue os ajustes na janela que aparecerá. Deverá aparecer a janela  de configuração  de limites  da Figura  2.




Figura             2 - Janela de configuração dos limites da analise transiente

Observe que essas configurações equivalem à configuração no eixo vertical, Volts/Div.  e eixo horizontal, Time/Div.  no osciloscopio.

Na Figura 2 devem ser feitos os seguintes ajustes:
Time Range:   indica  o intervalo   de simulação no  qual serão mostrado  as formas de  onda. O seu formato é (tmáx , tmin).  No  exemplo  temos  10m,8m nesse campo. Isso significa  que  só teremos formas de onda no intervalo de 10ms a 8ms;
Maximum Time Step: Dá a precisão  de  uma forma de onda.  Selecionando  um valor pequeno para  Maximum  Time Step, mais pontos  serão  gerados  e por isso  a  forma de onda  terá  melhor definição. No exemplo temos 0.000001  para  esse  campo. Experimente colocar valores maiores e menores para ver o resultado.  Atenção que valores muito pequenos podem ou demorar para dar a  solução ou não resultar em solução;
Number of points: determina  quantos  pontos   serão impressos  quando uma saída  numérica  é   habilitada. O intervalo  de impressão é dado por:
Intervalo de impressão = ( tmáx - tmin ) / ( Numero de pontos -1)  Se nenhuma forma de onda tem saída numérica especificada, este  campo não terá efeito;
Temperature:  Este  campo especifica a temperatura na qual será efetuada a analise. O seu  formato é: (TMáx,  Tmin,  Passo). Uma analise    é  efetuada para cada temperatura. Se o passo for omitido será feita uma  analise   para a máxima e uma para  a mínima temperatura. No exemplo  a  temperatura   de analise é de 27ºC;

Campo P: Especifica em qual gráfico será plotada a forma de  onda. Caso todos tenham o mesmo numero, todos serão desenhados no mesmo  gráfico. Caso tenham números diferentes serão gráficos  diferentes (como no exemplo );
X Expression: Aqui deve ser especificada qual a variável  do eixo X  , no exemplo tempo (T);
Y Expression: Aqui deve ser especificada qual a variável  do eixo Y,  no exemplo  as tensões nos coletores (V(vce1) e v(vce2)). Em geral  podemos  especificar  a tensão no nó correspondente.Exemplo  v(1), v(2) etc;

X Range:  aqui deve ser especificada  a faixa de valores de X para a qual  desejamos que apareça o gráfico. É recomendável   que essa faixa seja a mesma de Time  Range (não obrigatório).  experimente mudar  esses limites e ver o resultado, é o Time/Div no osciloscopio
Y Range:  aqui deve ser especificada  a faixa de valores  de Y para a qual desejamos que apareça o gráfico. É recomendável   que essa faixa  tenha valores adequados de forma  que a forma de onda   não apareça muito pequena nem ultrapasse os limites. É  um ajuste parecido com o Volts/Div do osciloscópio.
Obtenção das Formas de Ondas
Para executar a simulação, clique no botão Run.  Após  a execução da simulação aparecerá  um gráfico da tensão em função  do tempo, Figura 3. Neste gráfico aparecerão as formas de onda  escolhidas, no caso Ve e Vs=Vc.


Figura 3 -  Formas de onda nos coletores do circuito da Figura 1


Para efetuar uma medida você pode usar os dois  cursores disponíveis. Para isso clique em qualquer um dos botões  a seguir.




Serão  inseridos os dois   cursores, um controlado pelo botão esquerdo do mouse e o outro pelo botão  direito. Cada um dará uma indicação de tempo e de tensão.  Por exemplo na Figura 4 o cursor 1 indica um tempo de 187,841 ms e uma tensão  de 3,587 V (em amarelo).


Figura 4 -  Cursores para medida  de tempo e tensão


Figura 4: Cursores para medida  de tempo e tensão


Observe que, logo abaixo aparecem  as indicações,  bem como as diferenças (Delta) e a   inclinação (Slope) caso existisse uma curva de transferência.
Aula04       Indice de Aulas       Aula06
 
Copyright 2015. All rights reserved.
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal